VERBUM

    

 

 

 

Nossas Colunas

Litterarum

Análises e críticas literárias são o prazer de Matheus, nosso colunista literário. 

Leia mais

 

Fide et gratia

Fé e suas implicações são o tema desta coluna que tem a contribuição de autores diversos, especificamente para este site.

Leia mais

 

Palavras. Ideias. Resultados!

Produzir uma metanoia constante e responsável para uma geração de pensadores.

Bem vindo!

        Este é um site de publicações em formato digital, acadêmicas ou não, troca de experiências acerca de assuntos sugeridos, onde discutimos projetos, idéias e experiências.

       O projeto Verbum é de autoria de Eduardo Nunes, em parceria com convidados de diversas áreas, alguns permanentes, outros não.

      Sinta-se a vontade para conhecer, vasculhar e, principalmente, participar. Sua contribuição será bem vinda. Puxe uma cadeira, tome um café e boa leitura!



Orquídeas

Postado 2016/12/16

            Faz dois anos, ganhei duas orquídeas. Sempre as admirei mas nunca havia cuidado desses "bebês". É de se confessar certo desconforto inicial.

            Mas elas foram se tornando companheiras: momentos de estresse, de contemplação, de alegria ou profunda tristeza, elas lá estão, atentas ao meu lamento, resignação ou cantoria festiva.

            Sempre tem me ensinado alguma coisa valiosa e, para não fugir à regra, neste dia me ensinaram mais uma valiosa lição. Vale a pena esperar, pacientemente, cuidando, aparando, mudando o substrato de vez em quando, bater um papo descompromissado, aguá-las - em especial na parte posterior das folhas - com delicadeza, enfim, acompanhá-las, olhando dia após dia, vendo suas folhas de um verde lindo, seus ramos amarelando ou não, suas raízes se fixando, expandindo. Mas flores, nada! Até que um dia, quase que com exatidão metódica, os primeiros brotos aparacem, como que a anunciar: prepare-se que o espetáculo vai começar! E que espetáculo.

            Qual a lição? Com pessoas não há diferença. É necessário cuidar, acompanhar, assistir a altos e baixos com a firme convicção de que hão de desabrochar. E é um espetáculo que vale a pena assistir.

            Cultive relacionamentos. Invista em mentoriamentos. Seja agraciado com espetáculos diários e tratado com lutas constantes. Essa é uma das dinâmicas mais valiosas da vida em sociedade. Seja em família, no trabalho ou em qualquer tipo de relacionamento. Vale a pena!

Leia o resto desta entrada »

Interdependência.

Postado 2016/11/06

     Atualmente, em nossa vida globalizada, de muitas redes, contatos e ações, nunca nos  sentimos tão só, abandonados e sem perspectivas. Se temos acesso on line, comunicação interativa e possibilidades ainda não esgotadas, por que nos sentimos assim?

      Creio que uma resposta plausível é que nunca fomos tão egoístas. A realidade virtual tem nos permitido a instantaneidade de contatos, o acesso imediato e simultâneo aos acontecimentos ao mesmo tempo em que nos isola dos contatos reais e nos faz assumir personalidades que não são as nossas pois existe uma cultura social que nos quer obrigar a seguir os paradigmas estabelecidos. Vemos isso acontecer em relação à moda, música e comportamento, por exemplo. E quanto mais interatividade, mais isolamento.

          Essa reação, oposta ao que se busca, tem nos feito perder o exercício das relações, do "olho no olho", da conversa franca, em que busca-se descobrir no outro aquilo que ele é ao invés do que aquilo que ele tem. A magia do toque, do exercício de nossas capacidades sensoriais de tato, visão, gosto, audição e olfato está cada vez mais distante e estamos cada vez mais fadados a assumir o que não somos, a fazer o que não queremos e a viver da forma que não desejamos.

       Cada vez mais eu penso que o segredo para se evitar essa verdadeira tragédia, reside no fato de que somos interdependentes. Essa é uma realidade maravilhosa que opera, em nós, transformação de pensamento e conduta, vendo o outro como uma enormidade de possibilidades a serem descobertas, ao mesmo tempo que em que nos faz mais sensíveis, pois nessa interelação, a troca traz acréscimo de conhecimento, o compartilhamento aumenta nossas próprias capacidades de ação.

       A verdade, simples e acessível é que somos interdependentes e não existe um único ser humano capaz de conseguir minimamente sobreviver sem que dependa, em breves momentos que seja, de algum seu outro igual. E isso é maravilhoso, belo e real.

            Na era virtual, nada supera a realidade! 

Leia o resto desta entrada »


 

 

•Feature 01

How to increase efficiency of business process? Read our new article and share your opinion!

Learn more

•Feature 01

Not only big business corporations have to face with difficulties in time-management. Our tips definitely could help you.

Learn more

 

 

Contact Us

 Our experienced customer service team can help you find exactly what you need and can provide advise on our accessories.